Destinos românticos em Minas Gerais para viajar com a pessoa amada

 

Uma boa viagem romântica é, sem dúvida, um daqueles pequenos prazeres que marcam a nossa vida. Afinal, quem é que não gosta de dividir bons momentos com a pessoa amada? Para a sorte dos mineiros — e de quem visita o estado —, não são poucas as opções de destinos românticos no estado!

O melhor de tudo é que existem passeios para todos os estilos de casais! Em Minas Gerais, é possível encontrar lugares para os aventureiros, fãs de gastronomia, entusiastas das curiosidades históricas… Seja para encarar uma trilha, seja para aproveitar um bom vinho, não faltam opções!

Neste post, listamos 11 sugestões de destinos românticos em Minas Gerais que são incríveis e que vão deixar você ainda mais apaixonado. Confira!

1. Monte Verde

O destino

No extremo sul de Minas Gerais, o distrito de Monte Verde é um dos mais frios do estado. É o lugar ideal para aproveitar a companhia e o calor do outro para se esquentar.

O que fazer

Além de desfrutar do clima montanhoso para namorar bastante, os casais também podem aproveitar as várias atrações turísticas da cidade, que é conhecida pelo modo de vida tranquilo dos seus moradores.

Uma boa opção de passeio é fazer um “tour rural” pela região e visitar as fazendas históricas do entorno, onde é possível admirar as plantações de lavanda e hortênsias, características de Monte Verde.

Monte Verde também tem atrações para os amantes da natureza. A região é repleta de opções de trilhas e caminhadas. Além disso, é importante frisar que a arquitetura de estilo europeu é a cereja do bolo desse destino romântico!

Localização

Monte Verde é um distrito de Camanducaia, quase na divisa entre os estados de Minas Gerais e São Paulo. Saindo da capital mineira, o percurso de carro é de, aproximadamente, seis horas, seguindo pela BR-381.

As lindas paisagens naturais, culinária deliciosa e as baixas temperaturas fazem com que o turismo em Monte Verde esteja entre os favoritos dos casais apaixonados.

2. Ouro Preto

O destino

De arquitetura barroca e cercada de montanhas exuberantes, a cidade exala romantismo por todos os lugares. Não é à toa que é um dos destinos mais procurados em Minas Gerais para casamentos e viagens de lua de mel.

O que fazer

O clima montanhoso faz com que as temperaturas sejam mais amenas durante o ano inteiro, principalmente após o entardecer. A cidade tem muitas opções de bons restaurantes, nos quais é possível apreciar um belo jantar romântico acompanhado de uma garrafa de um vinho de qualidade.

Durante o dia, os passeios culturais podem ser bem interessantes, mesmo para quem já conhece a cidade. A feirinha de pedra-sabão, por exemplo, é uma das paradas obrigatórias de quem visita a cidade.

Localização

Localizada a 98 km de Belo Horizonte, por quem sai da capital pela BR-040.

Com muitos encantos e surpresas, Ouro Preto é o lugar ideal para quem quer curtir um clima romântico em meio a muita cultura e um cenário cinematográfico.

3. Tiradentes

O destino

Tiradentes é uma das cidades mais bonitas de Minas Gerais. Os casais que a visitam se sentem parte do cenário de um filme de amor — e não é para menos, já que a cidade foi palco de diversas produções audiovisuais, como as minisséries Hilda Furacão e Memorial de Maria Moura, a novela Coração de Estudante e os filmes Menino Maluquinho e “Chico Xavier”.

O que fazer

Em Tiradentes, não deixe de fazer o passeio de Maria Fumaça que leva os passageiros até a cidade vizinha de São João Del Rey. A viagem é curta e muito charmosa, com uma paisagem que, de tão bonita, é uma atração à parte.

Se for possível, se programe para visitar a cidade nos meses em que são realizados alguns dos festivais mais famosos do Brasil, como o de cinema (em janeiro), de fotografia (em março) e de gastronomia (em agosto). Repleta de turistas, vindos de várias regiões, a cidade fica com um clima ainda mais fascinante.

Localização

Tiradentes fica na região do Campo das Vertentes. Saindo de Belo Horizonte, a viagem de carro é de, aproximadamente, três horas. A distância em relação à capital mineira é de 191 km.

Viajar para Tiradentes é, sem dúvida, um programa imperdível!!

4. Lavras Novas

O destino

Esse pequeno distrito atrai casais de todos os estilos e idades. A população local não passa de dois mil habitantes e a história da vila é cercada de lendas e mistérios. Muitos acreditam que a região abrigou um quilombo formado por escravos fugidos de Ouro Preto e arredores, mas não há confirmação histórica sobre isso.

O que fazer

Lavras Novas possui muitas opções de bares e restaurantes, mas a maioria deles tem um horário de funcionamento restrito e não funciona durante a noite toda. Por isso, a programação diurna é a mais interessante. Os estabelecimentos mais famosos se espalham por casinhas coloridas e lúdicas, em uma área comprida que rodeia a igreja da vila.

O destino também é um dos mais procurados pelos casais amantes do ecoturismo, já que é cercado de trilhas de intensidades variadas e cachoeiras belíssimas. Uma das quedas d’água mais famosas é a Cachoeira dos Namorados — mais romântico do que isso é impossível!

Localização

A apenas 17 km de Ouro Preto e 112 km de Belo Horizonte, grande parte do acesso a Lavras Novas é feito por uma estrada de terra. Saindo da cidade histórica, o percurso leva cerca de meia hora.

Casinhas coloridas, cachoeiras e trilhas incríveis, restaurantes deliciosos, pousadas charmosas e muita magia. Que tal convidar a pessoa amada para conhecer Lavras Novas?

5. Milho Verde

O destino

Milho Verde é que oferece comida mineira tradicional e riquezas naturais exuberantes. No inverno, o friozinho também se soma à receita. Perfeito para compor um dos mais charmosos destinos românticos em Minas Gerais!

O que fazer

Esse pequeno distrito abriga alguns dos maiores tesouros naturais do estado. Assim, nem é preciso dizer que o ecoturismo é o ponto forte do lugar, não é mesmo?

As cachoeiras mais famosas são as do Carijó, do Moinho e do Piolho. O Complexo do Lajeado é um dos passeios imperdíveis da região: as trilhas são de fácil acesso e as paisagens paradisíacas.

Depois de aproveitar um banho de cachoeira, o melhor a fazer é se deliciar com a culinária mineira. No centro do distrito, existem restaurantes especializados, mas, em períodos de muita visita, alguns moradores também abrem as portas para oferecer o melhor da comida regional — e o melhor de tudo: com gostinho de feito em casa!

Localização

Milho Verde está entre Serro e Diamantina, de modo que o acesso pode ser feito pelas duas cidades. A maior parte da estrada foi asfaltada em 2011, deixando o trajeto mais tranquilo e seguro. Saindo de Belo Horizonte, quem opta pela estrada de Diamantina precisa percorrer 344 km, enquanto a estrada via Serro possui 311 km.

6. Brumadinho

O destino

Brumadinho oferece um clima bucólico bem do lado da capital, sendo ideal para os casais que querem descansar e recarregar as energias sem precisar ir muito longe.

O que fazer

É em Brumadinho que está localizado o Inhotim, o maior complexo de arte ao ar livre da América Latina, com um dos acervos mais importantes do mundo. Além de se fascinar com o museu, o visitante também pode conhecer vários atrativos históricos e naturais da região.

Na Serra da Moeda, é possível realizar trilhas de moto, bicicleta ou a pé, além de se encantar com uma das vistas mais bonitas da região, de onde é possível avistar quase toda a cidade de Belo Horizonte. São vários mirantes que permitem vislumbrar Belo Horizonte e o distrito de Casa Branca.

Localização

Brumadinho fica na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Bem perto da capital, a apenas 57 km, o percurso até lá é de, aproximadamente, uma hora.

Inhotim é um dos maiores centros de arte ao ar livre da América Latina. O lugar possui um dos acervos de arte contemporânea mais interessantes do Brasil, além de uma coleção botânica repleta de espécies raras e deslumbrantes.

7. Poços de Caldas

O destino

O clima bucólico de montanha, as ótimas opções de gastronomia e a natureza exuberante garantem o romantismo de Poços de Caldas, uma cidade conhecida pela sua tranquilidade interiorana, mas com toda a estrutura dos grandes centros.

O que fazer

Poços de Caldas é uma cidade nacionalmente conhecida por suas fontes de propriedades medicinais, que prometem melhorar a qualidade de vida de quem ali se banha.

Os mais apaixonados não podem deixar de conhecer a Fonte dos Amores, onde uma estátua simboliza a lenda de um casal que se encontrava ali às escondidas. O balneário mantém a sua arquitetura da década de 30, deixando o clima ainda mais charmoso.

Para os casais aventureiros, a dica é apostar nas trilhas e nos esportes de aventura na Serra da Mantiqueira. Outra atração imperdível é o voo livre saindo da Serra de São Domingos.

Localização

A cidade fica na região sudoeste do estado, a 463 km de Belo Horizonte. O melhor caminho para quem sai da capital mineira é pelas vias BR-381 e BR-267.

A Fonte dos amores foi criada em 1929, aproveitando os recursos naturais da Serra de São Domingos e atrai turistas pelo ar romântico. (Imagem via: Sulminas Turismo)

Para saber mais sobre a cidade, clique aqui e confira nosso artigo completo sobre a belíssima cidade do sul de Minas.

8. Araxá

O destino

Araxá ficou conhecida no mundo do turismo, principalmente, por conta do Grande Hotel, um marco da hotelaria nacional de década de 40. Mas, além dele, existem muitas atrações românticas pela cidade.

O que fazer

Com muitas construções históricas, o final de semana em Araxá pode parecer uma viagem ao charme do passado. Entre as atrações culturais, destacam-se o museu Dona Beja e a Fundação Cultural Calmon Barreto.

A primeira delas, além de contar a história dessa personagem emblemática, também exibe um mobiliário incrível do século XIV. Por outro lado, a Fundação, que mantém a estrutura da antiga estação ferroviária, é um ótimo lugar para comprar peças de artesanato local, entre sabonetes de lama e doces caseiros.

Os fãs do ecoturismo também têm o seu lugar em Araxá, já que a cidadezinha é uma das portas de entrada do Parque Municipal da Serra da Canastra. Por lá, são incontáveis as opções de trilhas e cachoeiras emolduradas por exuberantes paredões de pedras.

Localização

A cidade de Araxá fica na região do Triângulo Mineiro. Tendo Belo Horizonte como ponto de partida, a distância é de 363 km, em uma viagem de, aproximadamente, quatro horas.

Tauá Grande Hotel Araxá (Imagem via: Viajarresorts)

9. Santana do Riacho

O destino

É a cidade mais conhecida da Serra do Cipó. Povoada no século XVIII, antigamente, era conhecida como Fazenda Riacho Fundo. Hoje, ela funciona como uma espécie de polo para os turistas que se aventuram pelas trilhas e cachoeiras da Serra.

O que fazer

A Serra do Cipó é um dos lugares mais bonitos de Minas Gerais. A região é repleta de trilhas e cachoeiras exuberantes, principalmente no Parque Nacional, um lugar que também é usado para pesquisas e atividades de recuperação ambiental.

O centro da cidade reúne diversas lojas de artesanato e restaurantes de cozinha regional. Com certeza, uma ótima maneira de unir alguns dos melhores atributos do estado: a cultura, a natureza e a gastronomia.

A vida noturna da cidade também é animada, com diversas apresentações de música ao vivo e muita gente aproveitando o friozinho de Serra.

Localização

Santana do Riacho fica bem pertinho de Belo Horizonte, a apenas 123 km. Quem viaja até lá de carro leva pouco menos de duas horas para chegar ao destino.

Santana do Riacho – Cachoeira Grande – Serra do Cipó (Imagem por: Henry, via SENAC MG)

10. Santa Bárbara

O destino

Na região metropolitana de Belo Horizonte, a pequena Santa Bárbara é repleto de atrações românticas, mas a mais famosa delas é a Serra do Caraça, um trecho da Serra do Espinhaço.

O que fazer

Conhecido como Complexo Santuário do Caraça, o nome oficial da região é Santuário de Nossa Senhora Mãe dos Homens. O charme está em se hospedar no próprio parque, onde é possível optar entre uma pousada montada no local do antigo colégio, na Fazenda do Engenho ou na Casa de Retiro.

O lugar é um ótimo destino para os casais que querem curtir alguns dias de descanso, já que a tranquilidade impera na região, que também é agraciada com uma natureza fenomenal.

À noite, os casais podem curtir um papo em volta da fogueira, enquanto esperam a presença ilustre de uma casa de lobos-guará que vivem na região e, vira e mexe, aparecem para agraciar a visita dos turistas.

Localização

A cidade de Santa Bárbara fica a 109 km da capital. Até a sede do Caraça, no entanto, o caminho é de 120 km. O trajeto dura um pouco mais de uma hora e meia.

Como você viu, o estado está repleto de lugares belíssimos para conhecer a dois. São regiões de fácil acesso, com boa infraestrutura e recheadas de belas atrações .

11. Cordisburgo

O destino

Cordisburgo é o destino ideal para os casais fãs de literatura. Afinal, foi lá onde nasceu um dos escritores mais famosos do estado: João Guimarães Rosa.

O que fazer

Em Cordisburgo, a casa onde viveu João Guimarães Rosa se transformou em um museu em homenagem ao autor de obras como “Grande Sertão: Veredas” e ”Sagarana”. Lá, os visitantes podem apreciar um acervo incrível sobre as obras e a vida do autor, inclusive a sua icônica coleção de gravatas-borboleta.

Outra atração turística bem famosa de Cordisburgo é a Gruta de Maquiné, uma das mas bonitas do país. O cartão-postal da cidade é repleta de formações rochosas exuberantes, como colunas calcárias que descem como quedas d’água.

Localização

A apenas 150 km de distância de Belo Horizonte e um trajeto de cerca de duas horas e meia, Cordisburgo é ideal para uma viagem de final de semana.

Das centenas de grutas presentes em Minas, um expressivo número se concentra em Codisburgo, na Gruta de Maquiné. (Foto Via: Mananciais Viagens)

12. Caxambu

O destino

Na região Sul do estado, Caxambu é uma pequena cidade com ares acolhedores e clima de interior.

O que fazer

Toda a vida turística do destino gira em torno do Parque da Águas. Afinal, são doze fontes de águas termais com propriedades medicinais rodeadas de muito verde. Ideal para um final de semana relaxante para recuperar as energias!

Localização

São 369 km que ligam Caxambu à capital mineira e a viagem leva, aproximadamente, cinco horas.

Parque das águas – Caxambu (Foto via: Portal Brasil Contemporâneo)

13. São Lourenço

O destino

Assim como Caxambu, São Lourenço também faz parte do Circuito das Águas de Minas Gerais.

O que fazer

A cidade oferece diversas atrações as casais apaixonados. Além das diversas fontes de águas termais, os viajantes também podem aproveitar de alguns atrativos inusitados, como o voo de balão e o passeio de maria fumaça.

São Lourenço também é muito conhecida por suas plantações de café e produz uma das melhores bebidas do país. Por isso, quem visita a cidade não pode deixar de fazer a Rota do Café, um passeio que leva os turistas a conhecer todo o processo de produção.

São Lourenço fica no sul de Minas e é famosa principalmente por suas fontes de águas medicinais e balonismo. Foto: Célio Ferraz, Via O Tempo.

 

Localização

São Lourenço fica na região Sul de Minas Gerais, quase na divisa com São Paulo. A distância entre Belo Horizonte é de 378 km.

Agora você já conhece a nossa seleção de destinos românticos em Minas Gerais. As cidades possuem diversas atrações para os casais, mas é preciso destacar a beleza das próprias estradas, que normalmente são rodeadas por vistas de tirar o fôlego.

O próprio trajeto que leva aos destinos românticos de Minas Gerais já é uma atração à parte. Por isso, o ideal é apostar em um carro seguro confortável e, assim, já começar a aproveitar a viagem desde o início. Você já refletiu sobre como alugar um veículo pode ser uma ótima opção? Saiba mais no nosso artigo sobre o tema!

 
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-