Passeios divertidos e culturais para crianças em Belo Horizonte

Nada mais revigorante do que fazer um passeio em família. Em tempos de redes sociais, os feriados, finais de semana e datas comemorativas, como o dia das crianças, são excelentes momentos para tirá-las dos dispositivos móveis e fazer passeios divertidos e culturais.

É importante aproveitar essa data para sair um pouco do circuito shopping/cinema e buscar atividades ao ar livre, que despertem a curiosidade dos pequenos, como museus, zoológicos e parques.

Pensando em ajudar nessa missão, preparamos este post com indicações de 8 lugares ideais para passeios com crianças em Belo Horizonte. Aproveite!

1. Parque Guanabara

Situado na região da Pampulha, o Parque Guanabara é um dos pontos de encontro e de diversão mais tradicionais da grande Belo Horizonte. O local oferece uma variedade de brinquedos quem agradam desde as crianças mais aventureiras até as mais tranquilas.

O cartão eletrônico custa R$ 2,00 e você fica livre para colocar créditos para acessar os brinquedos, que variam entre R$ 4,25 e R$ 8,00. Se a compra dos créditos for feita com dinheiro, o usuário pode resgatar os créditos que sobrarem. Nas compras no crédito e débito, não há essa opção. Quando o seu cartão movimentar mais de R$ 40, ele passa ser VIP, e você ganha descontos nos brinquedos, para sempre.

Entre as atrações de maior destaque, está o elevador Sky Fall, para quem deseja curtir momentos de adrenalina em queda livre, e a maior roda-gigante de Minas Gerais, além das tradicionais Lagarta e Mistério da Monga.

Os valores de acesso ao parque são:

  • sábados, domingos e feriados: R$ 2,00 por pessoa, com entrada gratuita para crianças de até 1,50m de altura e para idosos com mais de 60 anos — apresentando RG;
  • nos dias úteis em que o parque funciona, a entrada é gratuita;
Parque Guanabara margeado pela Lagoa da Pampulha  (Foto via: @Parqueguanabara Facebook)

2. Planetário — Espaço do Conhecimento UFMG

Situado no Espaço do Conhecimento, na Praça da Liberdade, o Planetário promove aos visitantes uma experiência imersiva, transformando sua cúpula em uma abóbada celestial, graças à alta tecnologia dos projetores analógicos e digitais.

Os visitantes acompanham essa viagem pelo cosmos nas confortáveis cadeiras reclináveis, em uma sala climatizada, com sessões regulares ao longo de todo o dia. Uma ótima oportunidade para as crianças aprenderem sobre o universo de uma forma totalmente nova.

A entrada é bem acessível: R$ 6 inteira e R$ 3 meia, com planos de gratuidade para alunos de escola públicas. A única limitação é em relação à idade — o planetário não é recomendado para crianças menores de 4 anos.

Planetário do Espaço do Conhecimento UFM  (Foto via: ufmg,br)

3. Museu dos Brinquedos

A nova geração de crianças, chamadas nativos digitais, cada vez tem menos contato com brinquedos “analógicos”. Com um smartphone ou tablet, por exemplo, elas conseguem ter acesso a uma gama enorme de jogos, de forma prática e rápida.

O Museu dos Brinquedos é uma excelente oportunidade para pais e avós mostrarem para os pequenos como se divertiam na infância e falar um pouco sobre cultura pop dos anos 70, 80 e 90, ou seja, é um momento de nostalgia para os pais e de descoberta para as crianças.

O museu é composto por um acervo de aproximadamente 5000 brinquedos nacionais e importados de várias épocas. A criadora, Luiza Azevedo Meyer, começou fazendo coleção com os seus próprios brinquedos, depois foi aumentando com brinquedos de seus filhos e netos. Em 2006, depois de fazer uma exposição itinerante, ela inaugurou o Museu dos Brinquedos no bairro Funcionários.

O Museu funciona de segunda a sexta de 9h às 17h, sábados e feriados de 10h às 17h.

Museu dos Brinquedos (Foto via: Agenda BH)

4. Lagoa da Pampulha

Um dos cartões-postais de Belo Horizonte, a Lagoa da Pampulha é um lugar encantador para passear com os pequenos em BH. Os 18 quilômetros de extensão da lagoa, oferece diversão para crianças de todas as idades.

Entre as principais atrações, podemos destacar a Casa do baile, o Museu de Arte da Pampulha e a Igreja de São Francisco de Assis — enfeitada com 14 painéis de azulejo que trazem a assinatura de Cândido Portinari.

Na região também fica o Zoológico (veja mais informações abaixo), ideal para fazer um passeio educativo com as crianças, explicando detalhes de cada espécie de animal. Também temos o Parque Ecológico da Pampulha.

Está interessado (a) em conhecer a capital mineira e as estradas que levam a outros tesouros históricos e naturais? Então CLIQUE AQUI e baixe nosso e-book especial 😉 ♥

5. Zoológico

Umas das grandes atrações, que não pode faltar no roteiro para curtir com os pequenos nas datas comemorativas, como o dia das crianças, é o Zoológico de Belo Horizonte, situado na região da Pampulha.

Além da experiência de mostrar os animais e contar algumas curiosidades para os pequenos, o local é propício para fazer aquele piquenique em família, com bastante verde e ar puro.

A entrada custa R$ 4,95 de terça a sexta-feira, R$ 6,20 para quem for aos sábados e R$ 9,95 nos domingos e feriados. Para sua segurança e a de sua família, a entrada no Zoológico só é permitida com o comprovante de vacina contra a febre amarela.

ZOO BH – Reprodução/Prefeitura de Belo Horizonte

6. Mineirão e o Museu do Futebol

Para pais e filhos amantes do futebol, uma atração que a cidade de Belo Horizonte oferece é a visita ao icônico Estádio Governador Magalhães Pinto, conhecido mundialmente como Mineirão. Esse estádio foi palco de momentos épicos do futebol, tanto envolvendo os dois grandes clubes da cidade, Cruzeiro e Atlético, como com a seleção brasileira. Uma excelente oportunidade para conversar com os pequenos e contar histórias.

Para a visita ao estádio ficar mais completa, com a contextualização desses grandes momentos do esporte, vale apena visitar o Museu do Futebol, que fica no interior do estádio. Além da visita ao museu, o tour pelo Mineirão dá oportunidade para que os visitantes se sintam os craques do futebol, conhecendo o gramado, as áreas exclusivas e muito mais. Certamente será um dia inesquecível para todos.

Museu Brasileiro do Futebol  (Via: estadiomineirao.com.br)

7. Parque Tom Jobim

Um dos novos parques da cidade, o Tom Jobim, localizado no bairro Luxemburgo, funciona de terça a domingo, entre 8h e 18h. Sua família poderá se divertir nas mesas de jogos, quadra esportiva, academia a céu aberto com uma ampla área verde e um belo projeto paisagístico. Para os pais que vão com crianças menores, o parque oferece trocadores e banheiros para manter o conforto de seus visitantes.

O Tom Jobim é mais frequentado por moradores locais, com um clima mais intimista, onde as crianças podem brincar livres e com muita segurança.

Parque Mosteiro Tom Jobim (Foto por: Marina Maia, via: google maps)

8. Passeio cultural pelo Circuito da Liberdade

Falamos mais acima do Planetário, situado no Espaço do Conhecimento da UFMG, que faz parte do Circuito Cultural da Liberdade. Nesse espaço, pais e filhos podem tirar um dia para conhecer todas as instalações e passear pela praça.

Além do belo Palácio da Liberdade, que foi construído para ser a sede e o símbolo do governo, na região há um circuito cultural com museus e espaços culturais, como o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), o MM Gerdau (Museu das Minas e do Metal), a Casa FIAT de Cultura e o Memorial Minas Gerais Vale.

Esperamos que você tenha gostado das nossas dicas de lugares para fazer passeios com crianças em Belo Horizonte e que esses momentos possam trazer diversão, conhecimento e alegria em família para vocês.

Gostou do post? Então, curta a nossa página no Facebook e receba outras dicas valiosas como estas em primeira mão.

*Todos os valores citados são referentes ao período em que o artigo foi escrito: Agosto de 2019.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-