Pescaria em Minas Gerais: 4 locais que você precisa conhecer

Como uma das atividades mais antigas da humanidade, por um bom tempo a pescaria foi uma grande aliada para que nós conseguíssemos alimento. Contudo, hoje em dia o seu papel é bem maior, sendo uma ótima maneira de se divertir e ter contato com a natureza. E disso, o povo mineiro sabe muito bem, não é à toa que a pescaria em Minas Gerais é uma prática bastante popular, realizada em muitos dos seus rios.

Por isso, para não dizer que é só história de pescador, neste texto, nós vamos apresentar para você alguns dos pontos de Minas Gerais ideais para pescar. Continue a leitura e confira!

4 lugares para praticar pescaria em Minas Gerais

1. Rio São Francisco

Conhecido por todo o país, o velho Chico, como comumente é chamado, tem um grande número de espécie de peixes. É possível encontrar mais de 152, como Dourado, Matrinxã, Mandiaçu etc.

É uma excelente alternativa de pesca para aqueles que querem pegar espécies mais exóticas, principalmente, a região próxima ao norte de Minas, onde é possível achar maior variedade. Os melhores meses para a prática estão entre março e outubro.

O belíssimo peixe-dourado é  predominantemente de água doce e pode ser encontrado no Rio São Francisco. (Foto via: tudosobrebichos.com)

2. Rio Paraibuna

Mais uma ótima opção de pescaria em Minas Gerais, o Rio Paraibuna não tem tantas espécies como o Rio São Francisco, mas pode oferecer bons momentos para os amantes da pesca. Os tipos de peixes mais comuns de serem encontrados por lá são Tucunaré, Piabanha e Dourado, sendo o primeiro um símbolo do rio e um dos peixes mais pescados.

O melhor período para pesca é quando a temporada de cheias chega ao fim, entre março e outubro.

O tucunaré é um peixe esportivo, muito comum no Rio Paraibuna e se destaca por ser um dos mais competitivos, rápidos e dinâmicos entre os peixes de água doce.

3. Represa de Furnas

Banhando 34 municípios do estado de Minas, a Represa de Furnas tem um bom espaço para quem gosta de pescar. Não só para isso, para quem curte praticar mergulho ou outras atividades aquáticas, a represa é um lugar ideal. Além disso, é uma região com uma paisagem bastante agradável e pode oferecer ao pescador vistas incríveis.

As principais espécies encontradas no local são Trairão, Pintado, Tucunaré e Corvina. Assim como o Rio São Francisco, a melhor época para a pesca é entre os meses de março e outubro, principalmente, no começo da temporada.

As traíras são peixes carnívoros, de porte médio, com movimentos lentos porém são muito vorazes. É encontrada na represa de Furnas. (Foto via: tucunarepesca.com.br)

4. Nova Ponte

A represa Nova Ponte é banhada pelo Rio Quebra-Anzol, um curso de água de Minas Gerais que passa pelo município de Araxá e desagua no rio Araguari. É um dos locais que pode proporcionar uma ótima experiência visual para o pescador.

Nas suas águas escuras, é possível encontrar espécies como a Piracema, Pacu-Caranha e o Tucunaré. A melhor época para praticar a pesca é depois do mês de fevereiro até o final de outubro.


O período de Piracema

A pescaria é uma ótima atividade que pode possibilitar ao seu praticante bons momentos de diversão e descobertas. Contudo, assim como qualquer prática que envolva a natureza, é importante responsabilidade e respeito, principalmente, com as espécies envolvidas.

A época de piracema, que é aquele ciclo do ano em que os peixes sobem o rio para se reproduzir e se alimentar, deve ser respeitada. Esse momento corresponde normalmente aos meses de Novembro a Fevereiro, na temporada de chuvas.

Protegido por lei, esse período tem algumas restrições em relação à prática da pesca, justamente para proteger as espécies. Sendo assim, em caso de pesca profissional, são permitidos apenas a captura e o transporte de 3 a 10 quilos de peixes (dependendo do local).

Esses peixes não devem ser provenientes da região, mas podem ser oriundos de outro estado, país e, em último caso, híbridos. No caso de pesca amadora ou para a sobrevivência, a prática é permitida em áreas sem restrição, porém, apenas com anzol de mão, caniço, vara ou molinete.

Esperamos que este texto tenha sido útil para você que pretende praticar pescaria em Minas Gerais! Quer conhecer mais sobre o estado? Então, acesse agora o nosso texto sobre as cidades históricas mineiras e confira!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-